Limpeza química de condicionadores

Muitas das doenças e mau estar que as pessoas são vitimadas diariamente, pode ter relação direta com sistemas de condicionamento
de ar.
Outro fator que é fundamental que as pessoas saibam, é que manutenção preventiva e higienização de sistemas de condicionamento de
ar, é um serviço técnico que requer conhecimento mecânico e químico. Há normas impostas por órgãos do governo federal, tais como
IBAMA, ANVISA e CREA que instrui, limita e fiscaliza tais procedimentos.
NÃO SEJA ENGANADO! Manutenção preventiva e higienização de condicionadores de ar, não é um procedimento padrão no Brasil, os
métodos adotados por empresas e técncicos variam muito, de uma simples lipeza de filtro a desinstalação total do aparelho para
limpeza com vaporizador em oficina. É fundamental para quem procura este tipo de serviço questionar o procedimento que será
empregado, e que tipo de produtos químicos serão usados, se é que usaram algum tipo de produto químico.
Procurar e orçar serviço de manutenção preventiva e higienização de condicionador de ar, não é como escolher um cortador de grama
ou um pintor resdidêncial, cujo a diferença estará restrita apenas e tempo e valores do serviço.
Pesquise, escolha o melhor preço, mas saiba do método empregado e produtos usados no procedimento.

Método ARMILL:
Manutenção preventiva e higienização química de climatizadores

* Desmontagem parcial da unidade interna, sem necessidade de desinstalação da evaporadora da parede.

* Aplicação de detergente desengordurante no trocador de calor, bandeja de dreno, ventilador axial e filtros.

* Aplicação de água com pulverizador em abundância.

* Aplicação de desinfectante bo trocador de calor, bandeja de dreno, ventilador axial e filtros.

* Segunda aplicação de água com pulverizador em abundância.

* Aplicação de bactericida e fungicida de ação prolongada no trocador de calor, bandeja de dreno e ventilador axial.

* Lubrificação de todos os componentes friccionantes e metálicos.

* Calibragem do gás refrigerante(havendo viabilidade de acesso do técnico a unidade externa, sem a necessidade de escada que
exceda 4 metros de altura ou técnica de rapel.)

OBSERVAÇÔES:

Os produtos químicos usados no processo de higienização química de condicionadores de ar, são autorizados pela ANVISA, não
danifica a saúde dos usuários do ambiente e nem os componentes do aparelho.

O procedimento de higienização química é realizado na evaporadora, os produtos químicos usados e a aplicação de borrifador de água
são empregados no trocador de calor, vantilador axial, bandeja de dreno e nos filtros.

Está incluso a calibragem do gás refrigerante. O procedimento só será realizado se houver a viabilidade do técnico para unidade
externa, sem escada que exceda 4 metros de altura ou técnica de rapel.

Calibragem do gás refrigerante é o acréscimo ou decréscimo de uma pequena quantidade correspondente à até 30% do total; apartir de
30% se torna recarga, o valor será orçado fora à parte.

Os custos com peças de reposição, materiais para reparos e mão de obra de substituição, ficam por conta do contratante.

FANTÁSTICO Perigo do ar condicionado

O ar-condicionado pode causar doenças?

Ar condicionado faz mau para saúde? Ambiente seco faz mau?

Cuidado com o técnico ou empresa que vc contrata.

Perigo falta de Higienização química de ar condicionado.

Promoção

Higienização com manutenção preventiva para Ar Condicionado Split ............................ a partir de R$ 140,00 ................................... Não Perca!
×